EDP investe 1 milhão em investigação com o INESC TEC

A EDP e o INESC TEC – Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores, Tecnologia e Ciência do Porto vão estabelecer uma nova parceria tendo em vista a investigação em áreas como energias renováveis, veículos eléctricos e redes eléctricas inteligentes. O contrato-programa será assinado na próxima sexta-feira, dia 24, e prevê um investimento de um milhão de euros.

As empresas do Grupo EDP deverão pagar um montante anual máximo de até 250 mil euros ao INESC TEC por contratualização de serviços de consultoria avançada, investigação e desenvolvimento e formação. A parceria, que terá a duração de cinco anos, deverá abranger também novas formas de regulação e funcionamento de mercados de electricidade, segundo é explicado em comunicado.

«O contrato celebrado trata-se, pois, de um claro investimento em I&D que muito importa a Portugal», assegura João Peças Lopes, director associado do INESC TEC e professor catedrático da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto. João Marques da Cruz, administrador da EDP, acrescenta que renovação da colaboração com o instituto é «essencial para alinhar a estratégia corporativa com os avanços na investigação científica e o desenvolvimento tecnológico, nos domínios da engenharia electrotécnica, de computadores e das ciências da computação».

Além de energia, o contrato-programa inclui mais áreas sobre as quais o INESC TEC detém conhecimento e a EDP interesse, incluindo cibersegurança, engenharia de software, business analytics, data mining, ciências matemáticas e desenvolvimento de sensores, entre outros.

Artigos relacionados
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Nestlé lança nuggets e hambúrgueres vegetarianos
Automonitor
Que carro compro agora? Ramón Calderón aconselha um carro a GNC