Fisco penhora 48 imóveis e 175 salários por dia

O Fisco penhorou mais de 16.227 imóveis, 58.752 salários e 5.950 pensões, entre 1 de Janeiro e 1 de Dezembro deste ano, números abaixo de 2018, avança o “Jornal de Notícias” (JN), citando dados do Ministério das Finanças.

Contas feitas, a Autoridade Tributária e Aduaneira penhorou, entre 1 de Janeiro e 1 de Dezembro, cerca de 48,4 imóveis por dia. Já noano passado, houve 18.088 imóveis penhorados, o que dá uma média de 49,5 penhoras por dia. Assim, Mantém-se à partida em 2019 o abrandamento do ritmo dos processos de execução fiscal, que atingiu o auge em 2016, o ano do início do funcionamento do sistema de penhoras electrónicas.

Na passada terça-feira, 23 de Dezembro, a plataforma electrónica do Fisco tinha 319 leilões de imóveis e fracções de imóveis activos, entre habitações, lojas, escritórios e terrenos rústicos. De acordo com o “JN”, o Ministério das Finanças não divulgou informações sobre penhoras de casas de família nem sobre processos suspensos na sequência da Lei de Bases da Habitação.

Observa-se também um desaceleramento nas pensões e salários penhorados. Até 1 de Dezembro, os dados do fisco mostram um total de 58.752 salários penhorados, ao ritmo de 175,4 penhoras diárias de remunerações. Estes números contrastam com as 68.273 penhoras de 2018, que dão 187 salários retidos por dia.

pub

Artigos relacionados
Comentários
Loading...