Atenção, contribuintes. Prazo para entregar IRS termina amanhã

O prazo legal para entregar a declaração de IRS, relativa aos rendimentos auferidos em 2019, termina esta terça-feira, dia 30 de Junho.

Tem dúvidas a preencher o IRS? A Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor (Deco) preparou um guia que promete ajudá-lo nesta tarefa. Para consultar o guia da Deco e aceder às dicas de como preencher o IRS, sem complicações, deve apenas aceder a esta página e registar-se no portal.

O guia é totalmente gratuito. Ao proceder ao registo não irá tornar-se associado da Deco. Passará apenas a ter acesso a alguns conteúdos exclusivos para os utilizadores registados.

Depois, para saber quanto tempo falta para receber de volta o imposto que reteve a mais em 2019, basta seleccionar as opções «Início», «Os Seus Serviços», «Consultar», «Informação Financeira» e «Movimentos Financeiros». Depois, deve seleccionar o ano (2019) e o tipo de imposto (IRS) e clicar em «pesquisar». Se surgirem valores nos resultados associados ao «Reembolso», carregue em «Detalhe» para saber mais informações. Já se aparecer tudo a zeros quer dizer que o reembolso ainda não foi emitido.

Após o Estado liquidar o seu reembolso, o dinheiro deve demorar «cerca de três dias úteis» até cair na sua conta bancária, segundo fonte das Finanças. Se receber o reembolso por cheque ou vale postal, o prazo pode ser maior.

Recorde-se que, ao contrário do que aconteceu em anos anteriores, em 2020 as Finanças comprometeram-se apenas a cumprir «os prazos legais». O Estado, recorde-se, tem até 31 de Agosto para proceder ao pagamento dos reembolsos.

Em 2019, o Fisco devolveu aos contribuintes mais de três mil milhões de euros em reembolsos de IRS, dos quais 1260 milhões durante o mês de Abril. O prazo médio para os reembolsos rondou, no ano passado, 16 dias em média, 11 dias para o IRS Automático e 18 dias para as declarações normais.

Ler Mais
pub

Comentários
Loading...