Uber chinesa dos camiões prepara entrada na Bolsa de Nova Iorque

A start-up de transporte Full Truck Alliance, ou apenas Manbang como é conhecida em chinês, está a preparar a sua entrada no mercado bolsista norte-americano, através de uma oferta pública inicial (OPI), que pode aumentar o valor da empresa para mais de 24,5 mil milhões de euros, segundo uma fonte de Wall Street contactada pela CNBC.

Conhecida pela imprensa internacional da especialidade como a “Uber para camiões”, dado que liga pessoas que querem enviar mercadorias a camiões que façam esse tipo de transporte, a Full Truck Alliance já se tinha sentado secretamente na mesa das negociações com Nova Iorque para perceber em que termos poderia lançar a operação, como revelou na altura a Bloomberg.

Em novembro, a empresa conseguiu um investimento de 1,4 mil milhões de euros de várias empresas apoiantes do projeto como o SoftBank e a Tencent, atingindo uma valorização na ordem dos 10 mil milhões de euros. Com a concretização da OPI, que levará à abertura do capital da empresa em bolsa, a Full Truck Alliance pode agora ir buscar ao mercado cerca de 1,2 mil milhões de euros.

A Full Truck Alliance é o resultado de uma fusão realizada em 2017 entre duas plataformas de serviços de transporte em camiões, a Yunmanman e a Huochebang. O modelo de negócio da empresa passa por cobrar taxas de adesão às pessoas que querem enviar mercadorias e também leva uma parte das transações, tal como faz a Uber.

O setor da logística e do transporte está a correr a olhos vistos na China, tornando-se cada vez mais competitivo. Além da Full Truck Alliance, a Lalamove, sua concorrente direta, tem estado continuamente à procura de novos investimentos. Depois de em Dezembro ter realizado uma ronda de investimento liderada pela Sequoia Capital China que lhe permitiu angariar  420 milhões de euros e obter uma avaliação na ordem dos 6,5 mil milhões de euros, voltou novamente ao mercado este ano.

A 20 de Janeiro, numa ronda de investimento liderada pelos fundos de capital de risco Hillhouse Capital Group e Sequoia Capital China, a Lalamove levantou cerca de 1,2 mil milhões de euros para alavancar ainda mais o seu volume de negócios, obtendo com esta operação uma avaliação superior a 8 mil milhões de euros.

Ler Mais


Comentários
Loading...