Novas formas de trabalhar

O futuro do trabalho após uma pandemia que mudou praticamente tudo na forma como os colaboradores e as empresas se relacionam foi o tema de um debate virtual promovido pela Everis.

Em Dezembro a everis, do grupo NTT DATA, e a Executive Digest promoveram uma mesa redonda virtual para debater o tema das novas formas de trabalhar. Com a chegada da pandemia, um pouco por todo o lado o mundo do trabalho viu-se obrigado a adoptar novos hábitos e comportamentos.

A transformação digital, que antes já fazia parte da agenda corporativa, foi acelerada a um ritmo que seria impensável, mas agora é preciso discutir como será o futuro. Para debater o assunto, esta mesa redonda virtual juntou Maria João Carioca, executive board member da Caixa Geral de Depósitos (CGD); Nadim Habib, professor da Nova SBE; e David Sanz, partner e head of Banking da Everis Portugal.

A moderação ficou a cargo de Maria João Vieira Pinto, directora da revista Executive Digest. O debate começou com uma apresentação de Nadim Habib sobre as três lições que o professor acredita que as empresas devem retirar da experiência recente e três debates que é importante promover a partir de agora. A primeira lição é a de que ninguém gosta de mudar e, explica Nadim Habib, «isto traduz-se na constatação de que muitas das mudanças implementadas em reacção à pandemia já faziam sentido antes.

Ferramentas remotas como o Teams, entre outras, já existiam há anos, mas nada foi feito para mudar». O constante adiamento de decisões sobre alterações à forma de trabalhar acontece porque «a mudança dói», mas o professor reforça que esta é uma lição a levar para o futuro porque novamente poderá haver a necessidade de mudar as coisas e «não podemos estar à espera de uma pandemia» para o fazer.

Leia o artigo na integra na edição 178 da Executive Digest.

Ler Mais

Comentários
Loading...