pub

Covid-19: Governo retira 15 concelhos à lista ‘negra’. Há 47 em risco extremamente elevado

No âmbito do Conselho de Ministros, o Governo anunciou, este sábado, as medidas que vão ser aplicadas na renovação do Estado de Emergência, a qual arranca já na próxima semana, dia 24, prolonga-se até ao dia 8 de dezembro e visa a lista de concelhos de maior risco, agora atualizada.

Segundo detalhou António Costa, os concelhos de risco passam a ser divididos em quatro níveis diferentes, sendo que esta é uma lista dinâmica e será revista de 15 em 15 dias.

Os novos níveis de risco para os concelhos passam a ser: nível de risco muito elevado: mais de 960 casos por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias – há 47 concelhos; nível de risco extremamente elevado: 400 a 960 casos por 100 mil habitantes – há 80 concelhos; risco elevado: de 240 até 400 casos por 100 mil habitantes; risco moderado: até 240 casos por 100 mil habitantes.

Da atual lista, saem 15 concelhos da lista de risco elevado. estes concelhos são:

• Aljustrel;
• Alvaiázere;
• Beja;
• Borba;
• Carrazeda de Ansiães;
• Ferreira do Alentejo
• Fornos de Algodres;
• Santa Comba Dão;
• São Brás de Alportel
• Sousel;
• Tábua;
• Tavira;
• Vila Real de Santo
António;
• Vila Velha de Ródão;
• Vila Flor.

Nestes concelhos mantém-se a proibição de circulação na via pública entre as 23h00 e as 5h00 da manhã, mas também durante a tarde do fim de semana e o teletrabalho é obrigatório.

Nos concelhos com mais de 240 casos por cada cem mil habitantes, vai também haver ações de fiscalização para vigiar cumprimento de teletrabalho, assim, como horários limitados para estabelecimentos comerciais 22h e restaurantes às 22h30.

Nos concelhos de risco extremamente elevado ou mais, acresce a proibição de circulação nos fins de semana entre as 13h e as 5h, e também nos feriados de 1 e 8 de dezembro.

Nas vésperas de feriado (30 novembro e 7 de dezembro) decreta-se encerramento de estabelecimentos comerciais a partir das 15 horas.

 

Ler Mais
pub

Comentários
Loading...