5G deverá ter 1,9 mil milhões de subscritores em 2024

A adesão ao 5G está a crescer acima das expectativas. De acordo com o “Ericsson Mobility Report”, o número de subscritores em 2024 deverá ascender a 1,9 mil milhões, com as operadoras a lançarem soluções neste sentido e os utilizadores a mudarem para dispositivos capazes de suportar 5G.

O mesmo estudo prevê que a cobertura do 5G atinja 45% da população mundial até ao final de 2024 – sendo que há margem para chegar aos 65% graças à possibilidade de implementar 5G em bandas de frequência LTE através de tecnologia de partilha. Nesse mesmo ano, as redes 5G deverão suportar 35% do tráfego móvel global, adianta a Ericsson.

A Ericsson indica ainda que o forte compromisso dos fornecedores de dispositivos e chipsets é também essencial para a aceleração da adopção do 5G: a previsão é de que smartphones para todas as principais bandas de espectro cheguem ao mercado já este ano. Caso se verifique, o total de subscritores de 5G a nível global poderá ultrapassar os 10 milhões até Dezembro.

É expectável que a adesão a subscrições de 5G seja mais rápida na América do Norte (63%), à frente do nordeste asiático (47%) e Europa (40%).

«O 5G terá um impacto positivo nas vidas das pessoas e nos negócios, concretizando ganhos para além da IoT e da Quarta Revolução Industrial. Contudo, os benefícios totais do 5G apenas podem ser sentidos juntamente com o estabelecimento de um ecossistema sólido, no qual parceiros tecnológicos, regulamentares, de segurança e da indústria tenham um papel a desempenhar», sublinha Fredrik Jejdling, vice-presidente executivo e responsável de Redes da Ericsson.

Artigos relacionados
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Novo logo do Skype faz lembrar… o do Messenger
Automonitor
Aston Martin DB5 de 007 bate recorde por 5,7 milhões