5 dicas para parar de stressar com dinheiro

Cerca de um quarto dos adultos no Reino Unido afirma sofrer de algum tipo de doença mental relacionada com preocupações financeiras. Quatro em cada cinco confessam-se preocupados com o dinheiro que têm (ou não) e 35% queixa-se de ansiedade com consequência. Dados como estes levaram a CNBC a reunir um conjunto de dicas para acabar com o stress:

1 – Começar a poupar. Apesar de parecer relativamente óbvio, o primeiro conselho passa por poupar uma pequena quantia de dinheiro todos os meses, criando uma espécie de almofada para despesas inesperadas. Vishal Jain, CEO da FairQuid, sugere que parte do ordenado seja remetido para uma conta bancária à parte logo no dia em que chega. Assim, é mais difícil cair em tentação e utilizar esse dinheiro para outros fins;

2 – Fazer perguntas estúpidas. A segunda dica chega de Martha Lawton, responsável pelo podcast Squanderlust: assumir o controlo ao conhecer a fundo todos os produtos financeiros. Isto significa esclarecer todas as dúvidas em relação a cartões de crédito ou contas, assegurando que se percebe o significado do jargão técnico;

3 – Falar com alguém. Falar com familiares, amigos ou até o chefe poderá ajudar a aliviar a ansiedade financeira. Anthony Morrow, CEO da OpenMoney, sublinha que é importante não guardar o assunto e, caso se justifique, abordar as entidades a quem se deve dinheiro para abordar o assunto honestamente: «Não ignore ou enterre a cabeça na areia. A dívida não vai a lado nenhum sozinha, precisa de ser gerida activamente»;

4 – Reavaliar relações pouco saudáveis. A quarta dica desafia a reavaliar algumas relações e a perceber se não existirá pressão social no sentido de gastar mais dinheiro do que se tem. Tentar ter um estilo de vida que não corresponde ao dinheiro na carteira só para manter aparências pode ser destrutivo. E isto aplica-se tanto a relações pessoais como laborais: em média, um trabalhador no Reino Unido gasta cerca de 500 libras (555 euros) por ano em copos depois de um dia de trabalho;

5 – Ser realista. Estabelecer objectivos realistas é outro dos truques para acabar com o stress relacionado com dinheiro. É preciso compreender que orçamentos muito apertados, sem espaço para actividades de lazer, por exemplo, podem trazer outro tipo de problemas.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Domino’s Pizza vai deixar quatro mercados europeus
Automonitor
História: O dia em que o Papamóvel foi salvo