As Reformas, o Crescimento e a Produtividade

Por Ricardo Florêncio
ricardo.florencio@multipublicacoes.pt

Nos últimos dois questionários do barómetro Executive Digest, perguntámos ao nosso painel quais as principais reformas que são necessárias em Portugal

As respostas, apresentadas, e comentadas, na edição de Fevereiro da Executive Digest, e agora nesta edição de Março (mais detalhadas), não são surpreendentes pois são comummente aceites como as áreas onde Portugal precisa de reformas. Contudo, o que é surpreendente é essas respostas não serem de todo novidade. Porventura as mesmas questões lançadas há 10/15 anos, talvez fossem respondidas do mesmo modo. E isso demonstra, que apesar de vários projectos, ainda estamos longe das nossas necessidades. E o mesmo acontece em relação ao crescimento. Em 2017 registámos o maior deste século, o que é de nos congratularmos. Porém, continuamos a crescer mas com um ritmo mais baixo que a maioria dos países da UE (já para não falar de outros mercados). Se em 2003 estávamos no 16.º lugar no ranking do PIB Per Capita da EU, para 2018, e mantendo-se as perspectivas apresentadas passaremos para o 21.º lugar desse mesmo ranking. Mais do que diagnósticos, temos é que dar início aos trabalhos e reformas necessárias que nos permita sair da cauda deste pelotão.

E se há índice onde temos mesmo de crescer, é na produtividade. Apesar de algumas mudanças, continuamos a cometer os mesmos erros e a apresentar índices de produtividade muito abaixo de outros países. Podemos continuar a discutir o aumento de 10 euros no salário mínimo (e que para muitas famílias é mesmo muito importante), ou um par de horas de trabalho por semana, mas não é por aí que devíamos enveredar e investir. Devíamos era tentar perceber, e não fingir que percebemos, por que outros países têm salários mais altos, e por que têm economias mais pujantes, quando nós, aqui, temos todas as condições para ombrear com eles.

Editorial publicado na revista Executive Digest n.º 144 de Março de 2018

Artigos relacionados
Comentários
Loading...