Afinal, quantos sites realmente existem na internet?

Em 1991 o físico inglês Tim Berners-Lee inaugurou o primeiro portal online (info.cern.ch). Desde então o número de sites nunca parou de aumentar. É interessante, no entanto, perceber melhor a evolução deste fenómeno tecnológico – a internet – que transformou certamente para sempre as nossas vidas.

Um ano após o surgimento do primeiro site, a Internet já contava com 10 (de deferir apenas que consideramos um site, como o portal onde se inserem diversas “página” web, todas sob o mesmo domínio). Em 1993, segundo dados do portal online Statista, esse número foi multiplicado por 13, exatamente um ano antes da entrada em cena do portal Yahoo! que viria a ajudar a acelerar todo este processo.

Os anos 90 viriam a terminar com uma enorme proliferação de novos sites. Em 1998 já tínhamos cerca de 2.4 milhões de sites, facto que contribuiu certamente para o surgimento do portal de busca Google. No entanto foi apenas a partir do novo milénio, e da chegada de players como o Facebook e o Youtube que o número de páginas “disparou” tremendamente. No ano de nascimento do Facebook (2004) existiam cerca de 50 milhões de web sites; no final dessa década, em 2009, o número total já rondava os 240 milhões.

Em 2013 volta a existir um grande “boom” e o número de portais cresce em mais de um terço. De 630 milhões no início do ano, o total passa em Dezembro para mais de 850 milhões. O marco histórico de mil milhões de sites é atingido um ano mais tarde, em 2014.

Atualmente os números mais recentes (segundo os “Live Stats” da Statista) indicam que existem cerca de 1 718 milhões de web sites (dados de 3 Outubro 2019). Destes, calcula-se que apenas 200 milhões estejam realmente activos.

Mas e quais são os sites mais populares e mais visitados em todo o Mundo pelos utilizadores? Veja em baixo o Top 10 do ranking:

  1. Google
  2. Youtube
  3. Facebook
  4. Baidu (motor de busca de referência na China)
  5. Wikipedia
  6. Tencent QQ
  7. Taboao y Tmall (“a Amazon chinesa”)
  8. Yahoo!
  9. Amazon
  10. Twitter

 

 

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Domino’s Pizza vai deixar quatro mercados europeus
Automonitor
Primeiro Porsche 911: Uma obra-prima alemã