pub

VIII Barómetro Executive Digest: Clara Raposo

2019 com optimismo? A competitividade empresarial é um dos temas de maior preocupação para o painel do Barómetro da Executive Digest. Isto, aliado à capacidade de assegurar, ou não, o mesmo nível de exportações.

Clara Raposo – presidente do ISEG

Estabilidade, confiança e investimento são variáveis-chave num contexto competitivo de volatilidade geopolítica, com líderes mundiais de memória curta em processo de autoflagelação política, dividindo e desestabilizando. O inquérito permite interpretações interessantes, inclusive pela contradição aparente entre as questões 6 (quais são os maiores desafios que a sua empresa pode enfrentar, no ano que agora começou?) e 7 (a estabilidade nas políticas fiscais e legislativas é primordial para incentivar a captação de Investimento Directo Estrangeiro (IDE)?) e que ilustra a ideia de que, embora se deseje que a carga fiscal às empresas seja contida em níveis adequados, o foco deve estar na previsibilidade e estabilidade. A carga fiscal sobre os cidadãos é também factor de competitividade empresarial, na atracção de talento e impacto sobre o consumo.

O Turismo é um sector em crescimento, força motriz da Economia, mas em desaceleração devido à limitação de capacidade instalada e por necessidade de crescente investimento e diversificação comercial junto de mercados estrangeiros. O painel de respondentes a este Barómetro é optimista quanto ao investimento no seu todo: a sua expectativa constitui um sinal de dinâmica empresarial que coincide com a perspectiva de aumento de volume de negócios. É importante que o investimento público acompanhe esta dinâmica, com impacto nas actividades transaccionáveis, de natureza reprodutiva e geradora de bem-estar, com aposta na Educação.

Leia este artigo na íntegra na edição de Fevereiro de 2019 da Executive Digest.

pub

Comentários
Loading...