Merck: criar, melhorar e prolongar a vida

A celebrar 350 anos, a biofarmacêutica Merck tem como missão criar vida, melhorar a qualidade da mesma e prolongá-la. A empresa, que alcançou um volume de negócios de 15,3 mil milhões de euros em 2017, tem vindo a investir em áreas como a fertilidade e a oncologia e aponta a que o cancro seja, no espaço de 20 anos, uma doença crónica.

Texto de Rafael Paiva Reis

Foto de Paulo Alexandrino

Assume-se como a empresa farmacêutica mais antiga do mundo – data de 1668. A Merck, presente em Portugal há mais de oito décadas, tem vindo a alargar as áreas de negócio, mas mantém os três pilares da sua estratégia: criar vida, melhorar a qualidade da mesma e prolonga-la. Pedro Moura, director-geral da Merck Portugal, refere que a empresa é hoje mais que uma farmacêutica – uma biofarmacêutica de ciência e tecnologia, fruto dos investimentos que tem realizado para a diversificação do negócio.

Leia este artigo na íntegra na edição de Setembro de 2018 da Executive Digest.

Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Quer ir ao Burning Man? Cuidado com os bilhetes falsos
Automonitor
#Ensaio – Mercedes-Benz GLC 220d – A medida perfeita