Carmo Wood vai construir Passadiços do Vale do Mondego

A Carmo Wood é a escolhida pela Câmara Municipal da Guarda para levar a cabo a construção dos Passadiços do Vale do Mondego, projecto avaliado em 1,3 milhões de euros. Com experiência neste tipo de plataformas – é a responsável pelos conhecidos e premiados Passadiços do Paiva –, a empresa familiar tem pela frente um percurso 11,5 quilómetros.

O trajecto desenvolve-se ao longo do rio Mondego e de dois afluentes, o ribeiro do Barrocal e o rio Caldeirão. Divide-se entre caminhos já existentes e novos passadiços de madeira que proporcionarão aos caminhantes a oportunidade de conhecer algumas das paisagens e declives da região.

«Além de uma grande honra, este é também mais um grande desafio para toda a equipa Carmo Wood e um reconhecimento da qualidade e expertise da nossa empresa na construção deste tipo de estruturas de grande porte e cujo acesso condiciona bastante os trabalhos», comenta Jorge Milne e Carmo, presidente da companhia, sublinhando a dificuldade do processo.

«Depois dos Passadiços do Paiva, é um privilégio podermos erguer estes passadiços e ajudar a revelar alguns dos segredos mais bem guardados do Mondego», conclui o responsável.

Artigos relacionados
Comentários
Loading...