pub

Zona euro: Indicador de clima económico continua a recuperar

O indicador de sentimento económico continuou a recuperar em julho, na zona euro, devido a melhorias nas expectativas do emprego e ao aumento da confiança na indústria, serviços e comércio a retalho, divulgou hoje a Comissão Europeia.

Segundo os dados publicados esta manhã pela Direção-Geral dos Assuntos Económicos e Financeiros (DG ECFIN) da Comissão Europeia, em julho deste ano, o indicador de sentimento económico “continuou a registar um aumento acentuado na zona euro”, ao subir 6,5 pontos para 82,3, tendo também melhorado no conjunto da União Europeia (+6,9 pontos para 81,8).

De acordo com este departamento do executivo comunitário, tanto na zona euro como na UE foi já possível “recuperar cerca de metade das perdas combinadas de março e abril”, quando a pandemia de covid-19 levou a um maior pessimismo nestes inquéritos feitos às empresas e aos consumidores.

A DG ECFIN explica que, na zona euro, esta subida do indicador de sentimento económico em julho “foi impulsionada por fortes aumentos de confiança na indústria, nos serviços e no comércio a retalho”, embora contrabalançada com um recuo na confiança na construção e uma estabilização entre os consumidores.

Por Estados-membros, o indicador de sentimento económico “continuou a recuperar em todas as maiores economias da zona euro”, nomeadamente em Espanha (+7,5), Itália (+6,7), Alemanha (+6,5), Países Baixos (+5,3), e França (+4,8), precisa a DG ECFIN.

No que toca ao indicador de expectativas de emprego, também “melhorou significativamente” pelo terceiro mês consecutivo, subindo 4,0 pontos para 87,0 na zona euro e 4,1 pontos para 87,0 no conjunto da UE, adianta a Comissão Europeia.

Ler Mais
pub

Comentários
Loading...