XVI Barómetro Executive Digest: A análise de Manuel Lopes da Costa, Bearing Point

A análise de Manuel Lopes da Costa, Country Managing Partner, Bearing Point.

A incerteza domina o nosso dia-a-dia. Este barómetro que evidencia um certo cepticismo, foi realizado antes do momento de confinamento actual que estamos a viver. Nessa altura ainda havia a esperança de que um Estado de Emergência com estas características não viesse a ser necessário nem implementado. Ainda assim os resultados demonstram que havia uma vontade de manter os investimentos apostando sobretudo na eficiência operacional e no lançamento de um novo produto, muito provavelmente adequado aos condicionamentos do momento que estamos a viver. É evidenciada igualmente uma preocupação muito meritória com a manutenção da saúde e produtividade dos colaboradores.

Os respondentes manifestaram igualmente uma forte esperança na vacinação como a solução para ultrapassar o momento actual, sendo que a larga maioria acredita que essa solução só se efectivará no final do ano transacto. Por fim, é extremamente interessante que quase metade dos participantes acreditem que a solução para a TAP deveria ser a que comumente é denominada como “falência controlada” ou seja reabrir uma companhia com os seus activos deixando os seus passivos na actual à semelhança do que foi realizado com tanto sucesso na Sabena e Swiss(air).

Ter-se-ia poupado muito dinheiro dos contribuintes que terá que ser reposto na cobrança de impostos. Será que não valeria a pena referendar estes grandes gastos públicos, explicando aos portugueses quando lhes custa individualmente cada um? Os resultados seriam porventura muito interessantes. Fica a nota para reflexão.

Ler Mais

Artigos relacionados
Comentários
Loading...