Três anos depois: os britânicos mudaram de ideias em relação ao Brexit?

Três anos volvidos desde que os britânicos disseram sim à saída do Reino Unido da União Europeia, será que ainda consideram que esta é a melhor opção? Em 2016, 52% dos votantes apoiou o Brexit, ao passo que 48% tentou manter o país na comunidade.

Actualmente, nenhuma das opções em cima da mesa reúne maioria, de acordo com um conjunto de sondagens elaboradas pela Kantar. Perante os quatro caminhos possíveis apontados pela empresa de estudos de mercado, “ficar na União Europeia” é o mais popular, mas não consegue a maioria dos votos.

A média das respostas a quatro sondagens, elaboradas entre 4 de Abril e 9 de Setembro, revela que 34% dos britânicos prefere ficar na União Europeia/revogar o Artigo 50. Por outro lado, 23% prefere sair sem acordo, 21% não sabe, 14% quer sair mas continuar a fazer parte do mercado único e 9% deseja sair com base no acordo desenhado por Theresa May.

Os dados, reportados pela BBC, surgem em linha com o estudo desenvolvido também pela BMG, na medida em que não há maioria. Segundo a consultora, 34% dos britânicos prefere sair da União Europeia no dia 31 de Outubro, mesmo que sem acordo. Por outro lado, 22% gostaria de continuar a integrar a comunidade.

Apesar de não parecer haver consenso, a verdade é que poucos votantes mudaram de ideia. A BBC sublinha que o país parece tão dividido como há três anos: 88% dos que votaram “ficar” escolheriam esta opção de novo; 86% dos que votaram “sair” também não mudaram de ideias.

Quanto à possibilidade de realizar um novo referendo sobre o tema, sondagens da Kantar, YouGove, Deltapoll e BMG indicam que há mais pessoas a favor do que contra. Os dados da Panelbase são os únicos que contrariam a tendência.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Nescafé Dolce Gusto abre casa pop-up só para amantes de café
Automonitor
SEAT Mii electric quase a chegar