Teresa Guilherme exige de Salgado 2,3 milhões de euros. Ex-presidente do BES começa hoje a ser julgado

Teresa Guilherme investiu 2,3 milhões de euros em papel comercial do BES, dinheiro do qual teve de se despedir graças devido a um esquema que a apresentadora apelida de fraudulento. Decidiu, por isso, avançar para tribunal e mover um processo cível que coloca Ricardo Salgado no banco dos réus. O antigo presidente do BES começa hoje a ser julgado em Lisboa.

Segundo adianta o jornal Público, Teresa Guilherme já tinha avançado com um processo em Junho do ano passado, mas o tribunal de primeira instância tinha considerado improcedente a acção por crime de burla qualificada. A apresentadora recorreu, então, ao Tribunal da Relação de Lisboa, que lhe deu razão e permitiu o regresso do caso à primeira instância.

A mesma publicação indica ainda que o processo visa também o Novo Banco, Haitong Bank e Gnb – Sociedade Gestora de Fundos de Investimento. «São as poupanças de uma vida inteira de trabalho», aponta ainda Teresa Guilherme, acrescentando que não espera recuperar todo o dinheiro. Espera, no entanto, justiça.

«Estas coisas demoram tanto que às vezes sentimo-nos cansados. Pensei várias vezes em desistir do processo, mas não me sentiria bem comigo própria», adianta ainda em declarações ao Público. «Ricardo Salgado e outros passeiam, passam férias como se nada fosse. Parece que nada aconteceu. Isso não é justo para quem entregou as poupanças, o dinheiro de anos e anos de trabalho», conclui.

Artigos relacionados
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
178 restaurantes juntam-se à Rota de Tapas Estrella Damm
Automonitor
Quer o novo Peugeot 208? Encomendas abrem hoje…