Sentimento económico avança na zona euro e UE pela primeira vez desde fevereiro

O sentimento económico acelerou, em novembro, pela primeira vez desde fevereiro, tanto na zona euro quanto na União Europeia (UE), tendência acompanhada pelo indicador das expectativas de emprego, refere hoje a Comissão Europeia.

De acordo com dados divulgados pela Direção-geral dos Assuntos Económicos e Financeiros do executivo comunitário, o indicador que mede o sentimento económico avançou, em novembro, um ponto tanto na zona euro (para os 93,7) quanto na UE (para os 92,2), após nove meses de recuo.

Considerando as maiores economias da UE, o sentimento económico teve um aumento muito vincado na Itália (4,1 pontos), seguindo-se os Países Baixos (1,2), a Alemanha (1,1) e a Polónia (0,3), tendo recuado em Espanha (-1,7) e França (-1,6).

No que respeita às expectativas de emprego, a subida foi de 2,0 pontos, para os 107,4 na zona euro e de 1,4 pontos, para os 103,3 na UE.




loading...

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.