SEF já realizou controlos de entrada no país a 43 mil passageiros

A Directora Nacional do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), Cristina Gatões, refere que este ano, desde que foi encerrado o Centro de Acolhimento Temporário no Aeroporto de Lisboa, o SEF já realizou controlos de entrada a 43 mil passageiros. Para além destes foram ainda efectuados controlos de saída a 31 mil passageiros, o que perfaz um total de quase 75 mil passageiros.

Para além disso foram criadas 301 fichas de intercepção, que resultaram em «43 decisões de recusa de entrada, em todas elas os passageiros regressaram à origem», não havendo qualquer «situação de fraude ou risco migratório», segundo a responsável.

A entrada dos passageiros em Portugal depende do «cumprimento de regras de controlo de fronteiras», refere Cristina Gatões, enumerando 11 situações de entrada de cidadãos estrangeiros no país e dizendo que todas respeitavam os princípios da «legalidade, humanismo, segurança nacional, ordem ou saúde pública». Para além disso a responsável indica que nenhum dos passageiros em questão apresentava sintomas da Covid-19.

 

pub

Comentários
Loading...