Santander já recebeu 9.340 pedidos de famílias e empresas para suspender créditos

O pedido de acesso à moratória dos créditos, que os clientes têm junto do Santander, ficou disponível na manhã desta quinta-feira, através do Netbanco. Desde essa altura e até às 17 horas, o banco registou um total de 9.340 pedidos de carência de seis meses no pagamento do capital em dívida, 8.400 dos quais correspondem a particulares com crédito à habitação e ao consumo e 940 pertencem a empresas, de acordo com o ‘Expresso’.

O anúncio deste apoio foi dado pelo Santander na segunda-feira, que na sequência dos esclarecimentos prestados pela Autoridade Bancária Europeia, na quarta-feira, tornou possível solicitar a carência de capital através do canal digital do banco (NetBanco).

A condição principal e obrigatória para que o pedido seja aceite é não existir qualquer crédito em incumprimento, sendo que a medida abrange todos os tipos de crédito, para que seja possível «responder de forma rápida às necessidades de liquidez imediatas», tanto das famílias como das empresas.

O Santander adianta ainda que com a aprovação do diploma legal, os clientes que «venham a preencher os requisitos para enquadramento nesta moratória terão uma transição automática para este regime».

O Conselho de Ministros aprovou, nesta quinta-feira, o regime das moratórias, que foi alvo de debate entre os bancos, governo e outras entidades.

Artigos relacionados

Exclusivo MIT - Massachusetts Institute of Technology

Dormir. Factor determinante no desempenho profissional?

Pesquisas mostram que a falta de sono tem várias consequências que podem afectar negativamente o desempenho profissional. Então por que razão tantos locais de trabalho modernos condenam práticas que não ajudam a bons horários de sono?
Comentários
Loading...

Multipublicações