pub

Sanofi pondera cortar até 1.680 empregos na Europa. Decisão pode ser tomada nos próximos dias

A empresa farmacêutica francesa, Sanofi, está a considerar cortar até 1.680 postos de trabalho na Europa, de acordo com declarações de duas fontes próximas do assunto, prestadas esta sexta-feira e citadas pela agência ‘Reuters’.

Este anúncio surge numa altura em que a farmacêutica francesa delineou planos para reduzir os custos devido à crise de saúde pública que se transformou também numa crise económica de larga escala.

Segundo avançaram fontes próximas à ‘Reuters’, as medidas de corte de postos de trabalho serão postas em prática, num prazo de cerca de três anos. Nenhuma das fontes quis ser identificada, uma vez que o plano ainda não foi oficialmente anunciado.

Contactados pela ‘Reuters’, os funcionários da Sanofi recusaram-se a fazer qualquer comentário à situação.

De recordar, que a agência já tinha dado nota, esta quinta-feira, da possibilidade de a Sanofi vir a cortar centenas de postos de trabalho, fazendo planos para discutir essas medidas com os responsáveis das equipas, no decorrer dos próximos dias.

pub

Comentários
Loading...