Sabe que empresa entrou diretamente para o 1.º lugar das cotadas mais valiosas do mundo?

As dez primeiras posições das maiores empresas cotadas em bolsa no mundo são lideradas pela empresa saudita de petróleo Saudi Aramco, que entrou diretamente para o primeiro lugar, depois de liderar a maior IPO da história, segundo análise da PwC, avançada por agências internacionais.

A Aramco assumiu o primeiro lugar até agora nas mãos da Microsoft, que passou para a segunda posição e que, juntamente com a Apple, Amazon e Alphabet, compõem o top das cinco gigantes das bolsas mundiais. O ranking das dez gigantes, com metade das empresas oriundas do setor da tecnologia, fica completo pela Alibaba, Facebook, Tencent, Berkshire Hathaway e Johnson and Johnson.

Apesar do forte impacto da covid-19 nos mercados, as 100 maiores empresas listadas do mundo conseguiram suportar o ataque da pandemia no último exercício financeiro – que vai de 1 de abril de 2019 a 31 de março de 2020 -, assistindo a aumento do seu valor de 2%.

Entre abril e dezembro de 2019, o valor de mercado desta centena de grandes empresas aumentou 20%, para 25.376 milhões de dólares (22.436 milhões de euros).

No entanto, a partir de janeiro – quando os primeiros efeitos da pandemia começaram a ser sentidos em algumas regiões – e até março passado, seu valor caiu 15%, para 21.471 milhões de dólares (18.983 milhões de euros) .

A análise revela que existem dez empresas cotadas (Amazon, Tencent, Roche, Netflix, Nvidia, Novo Nordisk, Elly Lilly, NTT Docomo, Tesla e Gilead) que viram a sua capitalização crescer entre os meses de janeiro a março.

Destacando-se o caso da Netflix, que deixou de ser uma das dez empresas cujo valor das ações mais havia caído entre abril e dezembro de 2019 (numa descida de 9%) e se tornou o segundo mais rápido crescimento, entre janeiro e março de 2020 , com uma subida de 16%, até 165 mil milhões de dólares (146 mil milhões de euros).

Há ainda o caso da Tesla, que entrou este ano nesta lista, e foi também uma das dez empresas que mais aumentaram seu valor de mercado, duplicando a capitalização para 96 mil milhões de dólares (84.878 milhões de euros).

Europa perde terreno e China escala

As empresas europias incluídas entre as 100 principais desta lista da PwC, foram as mais afetadas pela interrupção do coronavírus em termos relativos, com uma redução em seu valor nos mercados de 25% – cerca de 956 mil milhões de dólares (845.252 milhões de euros) – entre janeiro e março passado.

As empresas dos Estados Unidos continuam a dominar a lista das 100 maiores empresas cotadas no mundo, tanto em número quanto em capitalização, embora também tenham visto seu valor diminuir em 14% entre janeiro e dezembro. A China é o segundo maior colaborador da lista, com 14 empresas.

Ler Mais
pub

Comentários
Loading...