Sabe como enriquecer com NTF? Jovem que ganhou um milhão de dólares no confinamento explica

Chama-se Amrit Pal Singh e conseguiu faturar cerca de um milhão de dólares (cerca de 870 mil euros) em NFT durante o primeiro confinamento com a venda de 67 tokens.

Singh começou a criar obras de arte em 3D que ficaram conhecidas como Toy Rooms e Toy Faces. “Os brinquedos representam a infância e um sentimento de nostalgia”, disse Singh ao ‘Businees Insider’.

Esta ideia começou pela criação fundos que pudessem ser usados pelas pessoas em conversas na plataforma Zoom mas, mais tarde, colegas de trabalho desafiaram Singh a transformá-los em NFT, algo que acabou por acontecer em fevereiro de 2021.

As duas coleções (Toy Rooms e Toy Faces) são compostas por 68 NFT, dos quais 67 foram vendidos e renderam mais de 263 ethereum no ano passado — o equivalente a mais de 800 mil euros.

Amrit Pal Singh explicou ainda à ‘Business Insider’ que, depois de criar a arte, carregou as mesmas em duas plataformas NFT, Zora e Foundation.

 

O que são NFT?

Os NFT são atualmente uma das maiores tendências dos mercados dos criptoativos, tendo duplicado o número de transações deste produto entre 2020 e 2021.

A sigla NFT deriva do termo anglo-saxónico “Non-fungible token” que se pode aproximar para portugês para algo como um Ativo Virtual Não Fungível.

Os tokens não-fungíveis, ou NFT’s – como são conhecidos, são, arquivos digitais (ou arte digital) com identidade e propriedade verificados. Estes ativos podem ser imagens virtuais, desde GIF’s a JPEG’s, músicas, itens dentro de videojogos, terrenos virtuais, vídeos, ou qualquer elemento que seja virtual e autenticável.

A sua não-fungibilidade significa que são únicos e não podem ser substituídos por outros, e este é um dos fatores que tem contribuído para as somas avolutadas que têm transacionado na Internet. A exclusividade desperta sempre a curiosidade, e já sabemos que quando uma se junta à outra, por norma, o preço dispara.

O que garante a exclusividade e propriedade dos NFT’s é a tecnologia blockchain, um sistema inalterável baseado na matemática da cripografia, sendo que a maior parte destes tokens faz parte da blockchain Ethereum. Esta criptomoeda funciona como a famosa bitcoin, mas a sua blockchain armazena informações extras que suportam os NFT’s de forma inequivoca. Já há quem prefira estes tokens à arte convencional, pois ao ser 100% digital não se deteora, como acontece com o passar dos anos aos ativos físicos.

Ler Mais


Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.