Queda da Bitcoin preocupa regulador: investidores podem “perder todo o dinheiro”

Depois de semanas em contínuo crescimento e de ter batido recordes, o valor da Bitcoin caiu dos quase 42 mil dólares na passada sexta-feira para cerca de 35 mil dólares no dia de hoje. A quebra significativa está a preocupar o regulador britânico dos mercados financeiros, que deixa mesmo um alerta a todas as pessoas que investem em criptomoedas.

“Se os consumidores investirem neste tipo de produtos, devem estar preparados para perder todo o seu dinheiro”, indica a Financial Conduct Authority (FCA), citada pelo Business Insider. Embora as previsões sejam de crescimento para os próximos anos, a volatilidade da Bitcoin poderá ter consequências negativas para quem lhe dedica as suas poupanças.

Depois de um crescimento de mais de 300% ao longo de 2020, caiu 15% durante o último fim-de-semana, fixando-se nos 34.645 dólares esta segunda-feira. Os bons resultados alcançados no ano passado atraíram, porém, a atenção de investidores amadores e de pessoas que poderão não ter os conhecimentos necessários, deslumbrando-se com a possibilidade de um retorno fácil.

“A volatilidade de preço significativa nos ‘criptoactivos’, combinada com as dificuldades inerentes à avaliação, coloca os consumidores num risco elevado de perdas”, refere ainda o regulador. “A complexidade de alguns produtos e serviços referentes a ‘criptoactivos’ pode fazer com que seja mais difícil para os consumidores compreender os riscos.”

A FCA lembra ainda que não existe garantia de que as criptomoedas possam ser convertidas de novo em dinheiro e que esse processo depende da oferta e da procura existente no mercado, em determinado momento. Recorde-se que entre 2017 e 2019, a Bitcoin viu o seu valor cair de perto de 20 mil dólares para menos de quatro mil.


Comentários
Loading...