Primeiro curso de Medicina privado do país tem início hoje. Propinas na Católica Medical School ascendem a 1625 euros mensais

A Faculdade de Medicina da Universidade Católica Portuguesa – Católica Medical School – vai ser inaugurada hoje, terça-feira, numa cerimónia solene que contará com a presença do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa e do Primeiro-Ministro, António Costa, no mesmo dia em que têm início as aulas daquele que é o primeiro curso de Medicina privado do país.

O evento de inauguração, que terá início pelas 14:00, no campus de Sintra, localizado perto do Tagus Park,  bem como o começo das aulas, foram adiados para hoje devido ao período de luto nacional decretado pelo falecimento do antigo Presidente da República Jorge Sampaio.

Na cerimónia estarão igualmente presentes a Reitora da Universidade Católica, Isabel Capeloa Gil, o Cardeal Patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente, a Vice-Presidente do Conselho de Administração da Luz-Saúde, Isabel Vaz, o Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, o Presidente da Câmara Municipal de Sintra, Basílio Horta, e o Professor Catedrático de Neurologia e Diretor do Instituto de Ciências da Saúde da Universidade Católica Portuguesa, Alexandre Castro Caldas.

O investimento no Mestrado integrado da Universidade Católica, que será lecionado em inglês e prevê aulas práticos simulado desde o 1.º ano do curso, ronda os 1625 euros mensais, num montante global que supera os 100 mil euros durante os seis anos de formação.



Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.