Prepare-se para pagar mais por certos produtos. Zona euro enfrenta escassez de matérias-primas

As grandes empresas e grupos económicos da zona euro estão a enfrentar uma escassez de matérias-primas sem precedentes. Os economistas deixam o alerta: prepare-se para pagar mais pelos produtos.

Segundo uma pesquisa da IHS Markit, as fábricas do bloco enfrentam “uma incompatibilidade entre a oferta e a procura como já não era vista há mais de 24 anos”. Face a esta situação as empresas vão aumentar os preços dos produtos cuja estrutura seja dependente de plásticos, produtos químicos e metais.

“A manufatura da zona do euro está a crescer”, comentou Chris Williamson, economista-chefe  da IHS Markit em entrevista à Bloomberg. “Os preços vão subir a uma velocidade nunca antes vista”, acrescentou.

Para Williamson, o facto da vacinação ser uma boia de salvação para uma Europa que atravessou uma recessão de duplo mergulho nos últimos dois trimestres faz com que aumente o sentimento económico e a procura de bens e serviços. Resta saber se o mercado está pronto para “avançar a todo o gás”.

Esta crise na oferta não é apenas de um problema europeu. Na últimas semanas grandes grupos do setor alimentar, como a Coca-Cola e outros, anunciaram a subida dos preços, “por falta de matérias primas”.


Artigos relacionados
Comentários
Loading...