PPP. Eurodeputado e ex-autarca envolvido em fraude de milhões

Álvaro Amaro, eurodeputado do PSD e ex-presidente das autarquias de Guarda e de Gouveia, está acusado de ter participado em negócios fraudulentos, avança o “jornal de Notícias” (JN).

De acordo com o MP, Amaro é um dos nomes de uma lista de nove arguidos acusados pelo Ministério Público do Departamento de Investigação e Ação Penal de Coimbra de crimes de corrupção, prevaricação de titular de cargo político, branqueamento de capitais e participação económica em negócio.

Na origem deste caso estarão, como adianta o “JN”, alguns contratos suspeitos de milhões entre a construtora Manuel Rodrigues Gouveia e autarcas de Gouveia, Sabugal, Alcobaça e Trancoso e contratos de parcerias público-privadas celebrados celebrados entre 2007 e 2011, tendo em vista a construção de alguns equipamentos.

O “JN” avança que as obras nunca chegaram a ser realizadas pela construtora. Mesmo assim, terá tido ganhos ilícitos de 3,5 milhões de euros.

pub

Artigos relacionados
Comentários
Loading...