Portugal regressa hoje ao mercado. Novo leilão tentará arrecadar até mil milhões de euros

A Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP) regressa hoje ao mercado de dívida de curto prazo, com uma dupla emissão de bilhetes do tesouro com maturidade a seis e a 12 meses. A operação, que decorrerá hoje pelas 10h30, procura arrecadar entre 750 e mil milhões de euros.

“O IGCP, E.P.E. vai realizar no próximo dia 21 de julho pelas 10:30 horas um leilão da linha de BT com maturidade em julho de 2022 (BT 22JUL2022), com um montante indicativo entre EUR 750 milhões e EUR 1000 milhões”, pode ler-se na nota oficial.

O instituto liderado por Cristina Casalinho lembra também, no mesmo comunicado, que serão ainda emitidos títulos de curto prazo por mais duas vezes neste terceiro trimestre do ano, assim como Obrigações do Tesouro – a 18 de agosto e a 15 de setembro. Na operação de agosto, o objetivo é levantar entre 750 e mil milhões de euros e na operação de setembro entre mil a 1.250 milhões.

No que diz respeito à emissão de obrigações, o IGCP prevê também realizar leilões, sendo esperadas colocações de 750 a mil milhões de euros por leilão.

Portugal emitiu pela última vez uma dívida a curto prazo no passado dia 16 de junho, tendo o IGCP colocado títulos com maturidade a três e a 11 meses, com as quais encaixou um total de 1.250 milhões de euros, ambos com taxas negativas.



Comentários
Loading...