Portugal ainda é o país da UE com menos casos de Covid-19. Mas piora na testagem

Portugal atravessa atualmente uma situação pandémica favorável com os principais indicadores (incidência, taxa de positividade e óbitos) a diminuir nas últimas semanas.

Segundo a mais recente atualização semanal do Centro Europeu para a Prevenção e Controlo de Doenças (ECDC na sigla em inglês), o nosso país continua, tal como nas últimas três semanas, a ser aquele da União Europeia (UE) com menor taxa de notificação de casos (incidência) a 14 dias.

Como já é habitual às quintas-feiras, o organismo europeu atualiza os números semanais da crise de saúde pública na Europa. A taxa de notificação de casos a 14 dias em Portugal fixa-se numa média de 60,25, que o coloca na primeira posição do ranking com os valores mais baixos neste indicador. Na semana passada, o indicador era de 71,09 infeções, o que mostra a evolução positiva.

Quanto à taxa de notificação de mortes a 14 dias, o cenário já não é tão triunfante, com Portugal a apresentar uma média de 14,47 mortes, que o coloca em 6.º lugar. Ainda assim, face à semana anterior, verifica-se uma melhoria substancial, uma vez que este indicador se fixava em 21,17 óbitos.

O ECDC atualizou também o mapa da incidência da pandemia na Europa, que se encontra ilustrado por cores, sendo que vermelho escuro é o mais grave e o amarelo claro o menos. Aqui não se verificaram alterações, mantendo-se as regiões do Alentejo, Algarve e Lisboa e Vale do Tejo no nível laranja. O Norte e o Centro estão a amarelo. De ressalvar que a Madeira apresenta uma tonalidade mais escura, devido a atrasos na notificação dos casos, e que os Açores mantêm-se a laranja.

Testagem cai em Portugal. Positividade mantém-se

A taxa de testagem de Portugal voltou a descer face à semana passada. O país registou na última semana uma média de 1.619 testes por 100 mil habitantes, uma redução face aos 1758 da semana anterior, mas ainda assim superior aos 1542 testes realizados por 100 mil habitantes há duas semanas.

Por sua vez, de acordo com o ECDC, a taxa de positividade foi de 1,6%, não sofrendo quaisquer alterações face à semana passada. É o terceiro registo mais baixo da UE, atrás do Chipre (0,8%) e da Áustria (1%).

Ler Mais

Artigos relacionados
Comentários
Loading...