Plataforma apoiada pela CMS assegura financiamento de 14 milhões de dólares

A Lupl acaba de completar uma ronda de financiamento de 14 milhões de dólares (USd), elevando o seu financiamento global em mais de 25 milhões de dólares, tornando-a entre as empresas de tecnologia jurídica uma das mais bem financiadas na sua fase de desenvolvimento.

A plataforma, que está a ser incubada através do seu desenvolvimento por um trio de sociedades de advogados internacionais, CMS, Cooley e Rajah & Tann Asia, conta com o contributo de um conselho consultivo de 16 advogados internos líderes de multinacionais blue chip até às empresas de tecnologia de crescimento mais rápido do mundo. O grupo de testes mais vasto inclui Slaughter e May, Corrs Chambers Westgarth, Khaitan & Co e One Essex Court.

A Lupl está em testes beta desde Março de 2020, apoiada por um grupo de escritórios de advocacia e empresas líderes. Ao todo, o grupo Lupl representa mais de 10.000 advogados em mais de 100 jurisdições (https://www.lupl.com/community). Neste momento, mais de 500 empresas em mais de 50 países estão atualmente representadas na sua lista de espera beta.

No que diz respeito a parcerias, mais de 100 outras parcerias industriais estão em curso como parte da visão da plataforma industrial aberta da Lupl, com tecnologia ” bring your own system ” que funciona com as ferramentas que os advogados já utilizam atualmente.

Estas parcerias abrangem ferramentas de comunicação e colaboração empresarial, sistemas de gestão de documentos, ferramentas de fixação de preços e de delimitação de âmbito, ferramentas e padrões de dados e de análise, e bibliotecas de conhecimento da indústria.

Já no campo das contratações, a Lupl reforçou a sua equipa de gestão, com Jeff Green a juntar-se como CEO e a trabalhar ao lado de Matt Pollins como CCO. Cheryl Wilson Griffin também se juntou à equipa de gestão como Chefe do Cliente. No final de 2021, a Lupl espera ter uma equipa de mais de 75 pessoas em todo o mundo.

Para José Luís Arnaut, Managing Partner da CMS, “Este é um investimento só possível numa grande estrutura internacional como a CMS, dado o volume de financiamento que o projeto requer por si mesmo, e que nos coloca numa posição única no mercado em termos digitais e tecnológicos. Sabemos que o presente, fruto do momento que vivemos, está a ser marcado por uma forte aposta nas tecnologias aplicadas à prestação de serviços jurídicos de excelência e à satisfação das mais elevadas exigências dos nossos clientes. É o caso do Lupl, que se trata de mais um marco no investimento por parte da CMS em tecnologia, cujo objetivo passa por continuar a prestar serviços de excelência, numa dinâmica global, a todos os seus clientes.”

Ler Mais

Comentários
Loading...