OutSystems levanta 150 milhões e já vale 9,5 mil milhões de dólares

A empresa de desenvolvimento de aplicações, OutSystems, anunciou esta quarta-feira que levantou 150 milhões de dólares, o que atira a avaliação da empresa para 9,5 mil milhões. Esta nova avaliação surgiu através da ronda de investimento, liderada pela Abdiel Capital e pela Tiger Global.

Com isto, a empresa passa a valer bem mais do que a Jerónimo Martins, cujo valor de mercado se fixa em 8,4 mil milhões de dólares, e do que a Sonae, que vale atualmente 1,33 mil milhões. Contudo, a OutSystems continua longe da Farfectch, que tem um valor de mercado de 23,7 mil milhões de dólares.

Num comunicado enviado às redações, a empresa explica que «este financiamento será usado para expandir os investimentos na sua estratégia», cujo objetivo essencial passa por «proporcionar a cada organização o poder de inovar através do software».

«Com a plataforma OutSystems, empresas de todas as dimensões podem desenvolver, implementar e gerir aplicações com rapidez, permitindo que respondam às oportunidades de mercado e disponibilizem, continuamente, valor através da inovação», revela na mesma nota.

Paulo Rosado, CEO e fundador da OutSystems, adianta que «ao mudar fundamentalmente a forma como o software é construído, a OutSystems torna possível que todas as organizações possam competir, inovar e crescer».

«Estamos focados em ajudar os clientes a terem sucesso nas suas iniciativas de transformação digital mais desafiadoras e o anúncio de hoje é o reconhecimento do nosso progresso nessa jornada», acrescenta o responsável.

No mesmo comunicado, a empresa revela que «este investimento decorre após um ano que consolidou o impulso e a expansão da OutSystems, com clientes em 87 países, mais de 1.300 colaboradores em todo o mundo e colaborações com 350 parceiros, incluindo a AWS, Deloitte e Infosys».

Ler Mais

Comentários
Loading...