Oney Bank fecha 2020 com quebra de 10%, mas avança para o mercado alemão

Em 2020, devido à pandemia que fez recuar a atividade de crédito, o Oney Bank sofreu numa queda de 10% no resultado líquido, para cerca de 39,7 milhões de euros.

A empresa líder em 4 países da Europa na áreade pagamentos fracionados, avançou ainda assim no mercado europeu e chegou, em 2020, à Alemanha. A empresa, que atua nas áreas de crédito ao consumo, soluções de pagamento e experiência de cliente, está presente em quase 10.000 pontos de venda físicos e digitais na Europa.

Este é mais um passo para a expansão de uma empresa que é a número um em pagamentos fracionados em Portugal, assim como em França, Itália, Roménia, e a segunda mais destacada em Espanha.

Apesar de tudo, em 2020 a empresa destacou-se por fazer vários acordos internacionais, nomeadamente com a AliExpress e com a Peugeot/Citroën, e dedicou-se à filantropia, chegando mesmo a ajudar a construir um hospital de campanha para combater a Covid-19 na Roménia.

Para Jean-Pierre Viboud, CEO da Oney: “O lançamento das nossas atividades na Alemanha e o lançamento da solução de pagamentos fracionados na Roménia no outono de 2020 demonstram o nosso compromisso de sermos um ator líder na Europa, o que beneficiará tanto os nossos retalhistas como os nossos clientes”.

Atualmente o mercado de pagamentos fracionados está em amplo crescimento no mundo. Só na Europa, um em cada quatro europeus realiza pagamentos em prestações, de acordo com um estudo feito pelo Oney.

Portugal segue a tendência europeia, com o pagamento fracionado, inserido no crédito pessoal, a tornar-se cada vez mais popular entre os consumidores. Motivo pelo qual o Oney Bank diz que vai continuar atento a novas parcerias com retalhistas, de forma a alargar a sua carteira de parceiros e ter uma maior diversidade de setores e de marcas à disposição dos consumidores.

Ler Mais


Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.