«No centro de Lisboa se calhar já se justifica» usar máscara, diz especialista

O pneumologista e coordenador do gabinete de crise da Ordem dos Médicos para a Covid-19, Filipe Froes, considera que a utilização de máscara provavelmente já se pode justificar no centro de Lisboa, avança o Diário de Notícias’ (DN).

Para o responsável «deve ser equacionada a utilização da máscara em espaços públicos abertos de acordo com o nível de actividade epidemiológica local». Neste sentido, tendo em conta o cenário actual, «provavelmente haverá algumas zonas de algumas cidades em que já se justifica», refere.

«Uma pessoa que está sozinha no campo precisa de pôr máscara? Não. Mas no centro de Lisboa, no Rossio, se calhar já se justifica. Eu já ando de máscara», indica Filipe Froes, citado pelo ‘DN’. «Nós temos cada vez mais cadeias de transmissão persistentes na comunidade, com indivíduos assintomáticos, e o facto de eles andarem de máscara evita que transmitam a outras pessoas. Por outro lado, os que usam máscara também aumentam o seu nível de protecção», acrescenta.

No que diz respeito a um maior rigor das orientações da Organização Mundial de saúde (OMS) para o uso de mascara, o especialista mostra-se compreensivo. «Eu percebo que a OMS tem de emanar recomendações para todos os países do mundo, do mais rico ao mais pobre, às vezes não é fácil estabelecer padrões que possam ser implementados por todos estes países», afirma.

«Eu reservaria esse papel para o Centro Europeu de Prevenção e Controlo de Doenças (ECDC na sigla em inglês), aí é que faria sentido uma maior uniformidade de procedimentos e de actuações a nível europeu», defende, sublinhando que «a falta de uma política comum, articulada e coerente a nível europeu» contribui para originar «um mecanismo de desconfiança» na população.

Filipe Fores ressalva ainda: «Temos de perceber que estamos numa pandemia e não estamos a fazer a prevenção absoluta da doença, estamos a fazer a minimização do risco. É o somatório de várias medidas que minimizam o risco que fazem que os ganhos sejam maiores», refere ao ‘DN’.

Ler Mais
pub

Comentários
Loading...