Mutualista Montepio reduz prejuízos para 18 milhões de euros

A Associação Mutualista Montepio Geral teve prejuízos de quase 18 milhões de euros em 2020, segundo o relatório e contas da mutualista que apresenta reservas da auditora Pwc.

Em 2019, o volume de prejuízos da Associação Mutualista Montepio Geral – o topo do grupo Montepio – era de 409 milhões de euros.

A Associação agendou para 17 de maio uma assembleia-geral extraordinária, tendo divulgado as contas consolidadas de 2020 nos documentos que acompanham a convocatória.

Segundo o presidente da mutualista, Virgílio Lima, citado no relatório e contas, a contribuir para os prejuízos estão os “impactos exógenos, decorrentes do contexto desfavorável, em particular das condições dos mercados financeiros, que se refletiram no substancial aumento das provisões matemáticas no final do ano, no montante de 34 milhões de euros, devido à contínua descida das taxas de juro, para níveis em redor de zero e mesmo negativos”.

Contudo, acrescenta, que “será possível ultrapassar este período difícil da vida coletiva” da mutualista.

Já o ativo era de 3.544,445 milhões de euros (abaixo dos 3.455,641 milhões de euros de 2019) e o capital próprio de 304,7 milhões de euros (abaixo dos 337,4 milhões de euros de 2019).

O relatório e contas inclui a certificação legal de contas da PWC em que, mais uma vez, a auditora considera que o valor registado em ativos por impostos diferidos (de 867,6 milhões de euros) não são recuperáveis.

“Tendo por base as projeções apresentadas pela administração e as condições previstas na referida norma, a entidade [mutualista Montepio] não demonstra capacidade para gerar resultados tributáveis suficientes que permitam recuperar parte substancial dos ativos por impostos diferidos registados. Desta forma, na nossa opinião, os ativos por impostos diferidos, os capitais próprios e o resultado líquido do exercício, constantes do balanço e da demonstração dos resultados da entidade em 31 de dezembro de 2020 e em 31 de dezembro de 2019, encontram-se sobreavaliados por um montante materialmente relevante, a magnitude do qual não estamos em condições de quantificar, dada a incerteza inerente às projeções dos resultados tributáveis”, lê-se no parecer.

Já o relatório do grupo de trabalho dos ativos diferidos, também divulgado no relatório e contas, diverge da Pwc ao concluir da recuperabilidade desses ativos.

No final de 2020, a Associação Mutualista Montepio Geral tinha 598.438 associados, menos 3.346 do que em 2019.

A assembleia geral vai ainda votar o novo regulamento eleitoral, desde logo o que regerá as eleições intercalares para a assembleia de representantes (o novo órgão social da mutualista, após o desaparecimento do Conselho Geral).

Ler Mais

Artigos relacionados
Comentários
Loading...