Morreu o ex-ministro socialista Jorge Coelho

O ex-dirigente socialista e antigo ministro Jorge Coelho, de 66 anos, morreu hoje, disse à agência Lusa fonte do PS, vítima de ataque cardíaco na Figueira da Foz.

Nascido a 17 de abril de 1954 em Viseu, Jorge Coelho, licenciado em Gestão e filiado no PS desde 1982, teve experiência política em Macau e foi ministro de três pastas nos governos de António Guterres: ministro Adjunto; ministro da Administração Interna; ministro da Presidência e do Equipamento Social. Uma das marcas que deixou no seu desempenho ministerial foi a criação das Lojas do Cidadão.

A partir de 1992, com Guterres na liderança, Jorge Coelho foi secretário nacional para a organização, contribuindo para a vitória eleitoral dos socialistas nas legislativas de outubro de 1995.

Na sequência da queda da ponte de Entre-os-Rios, ocorrida a 4 de março de 2001 e da qual resultaram 59 vítimas mortais, Jorge Coelho, então ministro do Equipamento Social, demitiu-se e assumiu a “responsabilidade política”, considerando que “a culpa não pode morrer solteira”.

Mais tarde dedicou-se à gestão de empresas, com relevo para a Mota Engil, e ao comentário político em diferentes programas de rádio e de televisão.


Artigos relacionados
Comentários
Loading...