Microsoft planeia despedir 11 mil trabalhadores ainda esta semana

A gigante tecnológica Microsoft pode vir a ser a mais recente empresa na área da tecnologia a anunciar uma vaga de despedimentos, no meio de uma crise mundial que tem desacelerado o consumo de produtos e serviços.

A notícia avançada pela ‘Sky News’ dá conta que a empresa que conta atualmente com 220.000 pessoas, e planeia cortar cerca de 5% da sua força de trabalho, o que equivaleria a aproximadamente 11.000 empregos.

A Microsogr tem atualmente um valor de mercado a rondar os 1,64 biliões de euros (1,78 biliões de dólares), e tem previsto anunciar os resultados do segundo trimestre fiscal no dia 24 de janeiro, pelo que um possível anúncio de despedimentos em massa deve ser feito pelo CEO Satya Nadella antes dessa data.

Nas últimas semanas foram várias as grandes empresas de tecnologia que avanºaram com despedimentos coletivos. A Amazon, por exemplo, divulgou planos este mês para cortar 18.000 empregos, ou cerca de 6% de sua força de trabalho. Já a Salesforce, fornecedora de software em nuvem, disse que iria cortar 8.000 empregos, enquanto a Meta, proprietária do Facebook, está a reduzir a sua força de trabalho em aproximadamente 11.000 funções.

Microsoft dá férias ilimitadas a todos os colaboradores (desde que cumpram os objetivos)

Ler Mais



loading...

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.