pub

Mercado acionista chinês bate recorde e ultrapassa os 10 biliões de dólares

O mercado acionista chinês acaba de bater um novo recorde ao atingir um valor total acima dos 10 biliões de dólares (cerca de 8,59 biliões de euros), impulsionado pela recuperação económica do país.

A capitalização de mercado das ações listadas em Xangai e Shenzhen chegou aos 10,08 biliões, de acordo com os dados da ‘Bloomberg’ compilados esta quarta-feira, com base no fecho do dia anterior, noticia o ‘Financial Times’.

Graças a esta recuperação, os mercados bateram a última marca recorde, atingida há cinco atrás, altura em que viveram uma ‘bolha’ que alavancou os resultados de então.

Os registos de 2015 mostram que o mercado chinês já havia chegado aos 10,05 biliões de dólares, em junho deste ano, mas ficou para a história também a quebra provocada por negociações alavancadas que viria a fazer com que o mercado recuasse para metade deste valor.

A análise dos especialistas, consultados pelo ‘Financial Times’, aponta para, desta vez, o valor das ações não estar tão ‘permeável’ a uma quebra semelhante à vivida em 2015.

“Os investidores estão à procura de crescimento e a reconhecê-lo escasso noutros lugares – então veem uma enorme oportunidade na China”, defende um analista do Bank of America, em declarações ao ‘FT.’

Importa reter que o dia de ontem, terça-feira, ficou marcado pelos dados oficiais que vieram mostrar que as importações da China em setembro atingiram um valor recorde em dólares, devido ao apetite por ‘commodities’ e semicondutores.

A moeda chinesa, o renminbi, também se fortaleceu em relação ao dólar nas últimas semanas, devido às expectativas de uma vitória de Joe Biden nas eleições presidenciais dos Estados Unidos, em novembro próximo, e ao otimismo em relação a um reinício nas relações entre as duas superpotências.

Ler Mais
pub

Comentários
Loading...