Mentor do primeiro ventilador português explica como nasceu o Atena

«Ambicionámos fazer um ventilador português, num tempo de dificuldade, num tempo em que a pandemia de facto era agressiva.» É desta forma que arranca o vídeo criado pelo CEiiA – Centre of Engineering and Product Development para dar a conhecer o ventilador Atena. Pela voz do seu mentor, Tiago Rebelo, o projecto com ADN nacional é dado a conhecer em pouco mais de dois minutos.

O responsável explica que foram convocados engenheiros aeroespaciais, electrotécnicos e de software para esta missão. Juntos, conseguiram criar o primeiro ventilador português.

Tiago Rebelo conta que a entrada dos mecenas foi o segundo momento crítico no projecto. Ao dizerem-lhes «Acreditamos em vocês», empresas como EDP e REN mas também organizações como a Fundação Calouste Gulbenkian e a Fundação la Caixa/BPI ajudaram a aque o projecto desse mais um passo em frente. Seguiu-se o contributo de mais de 96 milhares de portugueses.

«Se, hoje, estamos no CEiiA a concluir e a entregar 100 ventiladores, aquilo que esperamos é que nos próximos meses e nos próximos anos possamos evoluir este produto. Porque já é um produto, não é só uma máquina», afirma. Em última instância, o Atena poderá permitir a Portugal deixar de estar dependente de mercados externos para este tipo de equipamentos.

Tiago Rebelo deixa ainda um apelo: «Que Portugal seja grande não só nos momentos de aperto, mas sempre porque temos capacidade para isso.»

Ler Mais
pub

Artigos relacionados
Comentários
Loading...