“Mansão Gucci”: Antiga sede da marca de luxo está à venda por 63 milhões de euros

A antiga sede da Gucci na cidade de Londres, Reino Unido, vai ser colocada à venda por 63 milhões de euros (55 milhões de dólares), tonando-se assim na casa mais cara no mercado no distrito de Mayfair da capital.

Para além da modalidade de venda, é possível alugar este imóvel de oito quartos, terraço com jardim, piscina, jardim de inverno e solário por 38 mil euros por semana, revela a ‘Bloomberg’.

Esta propriedade, construída em 1700 pelo arquiteto Robert Taylor, tem o tamanho de cerca de 19 casas médias no Reino Unido e é considerado como um imóvel de interesse histórico.

De acordo com a publicação, o imóvel é propriedade de um fundo offshore.

O mercado de luxo está a recuperar-se depois da pandemia e encontra-se atualmente mais forte do que nunca, em todo o tipo de vertentes, incluindo o imobiliário.



Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.