Mais de 910 milhões de vacinas administradas em todo o mundo. Portugal subiu para 30.º lugar no ranking

Mais de 910 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19 já foram administradas em 156 países, de acordo com os dados recolhidos pela agência Bloomberg. Portugal subiu esta semana um lugar no ranking mundial e está agora na 30.ª posição, já com cerca de 2,6 milhões de vacinas administradas.

Em Portugal, e de acordo com os últimos dados da Direção-Geral da Saúde (DGS), pelo menos 1,9 milhões de pessoas já receberam a primeira dose e mais de 650 mil receberam as duas.

Segundo a Bloomberg, Portugal volta a surgir imediatamente a seguir à Holanda, que já administrou mais de 2,6 milhões de doses, e agora à frente da Grécia, com uma margem muito curta de diferença – o país também regista 2,5 milhões de doses dadas.

O ritmo global de vacinação abrandou ligeiramente o ritmo, apesar de continuar alto. Estão atualmente a ser dadas, em média, cerca de 16,3 milhões de doses por dia – ao contrário das 18 milhões de doses registadas nas últimas semanas –, suficientes para vacinar totalmente cerca de 6% da população mundial. Os números tendem, no entanto, a aumentar à medida que novas vacinas vão entrando no mercado.

Os Estados Unidos continuam a liderar a tabela mundial, com 212 milhões de doses administradas. Só na última semana, foram dadas, em média, 3,13 milhões de vacinas por dia contra a Covid-19.

Depois dos Estados Unidos, a China é o segundo país que aplicou a vacina ao maior número de pessoas – pelo menos 192 milhões. Em terceiro lugar continua a Índia, com mais de 126 milhões de vacinas administradas.

A Alemanha é o país da UE que continua a liderar a frente de vacinação: já administrou 21,9 milhões de doses contra a Covid-19. Segue-se França, com mais de 17,4 milhões de doses aplicadas, e a Itália, com mais de 15,4 milhões.

A Bloomberg continua, no entanto, a alertar que a distribuição das vacinas está a ser feita de forma desigual, sendo que os países com rendimentos mais elevados estão a ser vacinados 25 vezes mais rápido do que os de rendimentos mais baixos.

A distribuição de milhares de milhões de vacinas para impedir a disseminação da Covid-19 em todo o mundo será um dos maiores desafios logísticos já enfrentados.

Ler Mais

Artigos relacionados
Comentários
Loading...