Madeira vai ter uma criptomoeda corrente: ‘Ocean’ terá valor equivalente ao euro e será gerida pelo Governo Regional

A Região Autónoma da Madeira terá brevemente uma criptomoeda própria e corrente desenvolvida pelo Centro de Investigação da Universidade de Madeira, o Ocean, que dará o nome a esta nova moeda digital.

O Ocean estabeleceu uma parceria com a Naoris Protocol que vai investir 60 milhões de euros para desenvolver o suporte tecnológico e de segurança a esta criptomoeda, avança o ‘Diário de Notícias da Madeira’.

A criptomoeda ‘Ocean’ terá o valor equivalente ao euro e será gerida pelo Governo Regional da Madeira. Esta será “similar ao Revolut ou Trasnferwise, exceto que neste caso nem sequer um cartão é necessário e também não existe uma ligação bancária”, explica David Carvalho, CEO da Naoris Protocol.

“A Madeira tem habilidade para ter a sua própria criptomoeda, que poderá ser equiparada ao euro e às mais diversas moedas”, diz Scott MacAndrew, Presidente da Cypher by Holt | Global Digital Banking, que irá apoiar a implementação do token no arquipélago.

Esta cripto madeirense poderá ser utilizada em diversos serviços como hotelaria, restauração ou viagens.



Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.