Kylie Jenner vende linha de cosméticos por 540 milhões

A Coty, multinacional que detém marcas como Rimmel, vai pagar 600 milhões de dólares (cerca de 541,4 milhões de euros) por uma participação maioritária na linha de cosméticos criada por Kylie Jenner. A operação, que aumenta a avaliação da marca para 1,2 mil milhões de dólares (aproximadamente mil milhões de euros), permitirá à Coty supervisionar o desenvolvimento de produtos. Kylie Jenner, por seu turno, fica à frente dos esforços criativos e da estratégia de comunicação.

Lançada em 2015, a Kylie Cosmetics conta com produtos de maquilhagem para os olhos, lábios e rosto. É uma das responsáveis pela ascensão da empresária norte-americana – que se tornou conhecida do público por participar no programa de televisão “Keeping Up with the Kardashians”. Actualmente, faz parte da lista dos mais jovens bilionários do mundo.

Segundo a Bloomberg, esta é a mais recente aquisição por parte de uma gigante do mundo da beleza no sentido de preencher o seu portefólio com insígnias tendência e capazes de apelar a um público mais jovem. A Estee Lauder e a Shiseido são também exemplos de multinacionais a seguir o mesmo caminho: a primeira adquiriu, recentemente, dois terços da coreana Have & Be; a segunda comprou a Drunk Elephant, no mês passado.

O plano da Coty passará ainda pela venda das suas marcas profissionais, nomeadamente a Wella, Clairol e OPI.

Artigos relacionados
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Guerra do streaming: consumidores dão oportunidade aos novos players
Automonitor
As ideias (brilhantes) da Skoda