Irão vai começar a produzir urânio enriquecido a 60% a partir da próxima semana

O Irão planeia começar a produzir urânio enriquecido a 60% a partir da “próxima semana”, como resposta ao “terrorismo nuclear” de Israel, anunciaram autoridades de Teerão.

O Irão anunciou na terça-feira que iria “começar a enriquecer urânio a 60%” no isótopo 235, segundo o embaixador da República Islâmica na Agência Internacional de Energia Atómica (AIEA).

Os trabalhos preparatórios para implementar esta decisão começaram na terça-feira à noite e “planeamos acumular o produto [de duas cascatas centrifugadoras dedicadas a 60% de urânio] na próxima semana”, indicou Kazem Gharibabadi.

Esta decisão anunciada após uma explosão na fábrica de Natanz é a “resposta” da República Islâmica ao “terrorismo nuclear” de Israel, disse hoje o presidente iraniano.

“Esta é a resposta à sua malícia”, disse Hassan Rohani numa reunião do gabinete.

“O que vocês fizeram chama-se terrorismo nuclear, o que estamos a fazer é legal”, disse numa referência a Israel, que Teerão acusa de sabotar a sua fábrica de enriquecimento de Natanz, um dos centros nevrálgicos do programa nuclear da República islâmica, no centro do Irão no domingo.

Ler Mais

Artigos relacionados
Comentários
Loading...