Facebook lança novas ferramentas para empresas. WhatsApp Business no top das novidades

O Facebook já deu a conhecer os seus novos produtos e ferramentas para ajudar as empresas a simplificar a gestão diária e a comunicarem com os seus clientes. Uma das grandes novidades é o “WhatsApp Business”, criada a pensar nas necessidades das pequenas empresas, mas também nos clientes que pretendem entrar em contacto com elas de uma forma mais direta.

A aplicação gratuita permite que a companhia tenha uma presença oficial no WhatsApp, com ferramentas específicas para mostrar os seus produtos e serviços, fechar vendas e responder a perguntas durante a experiência de compra.

No geral, o WhatsApp Business é muito semelhante à aplicação “mãe”, mas com recursos adicionais: um perfil de negócios, um recurso de catálogo para mostrar produtos e serviços, respostas rápidas e rotulagem.

“Estas novas ferramentas foram criadas para gerar melhores resultados de negócios em toda a jornada do cliente – de leads de alta qualidade a aumento das vendas e maior satisfação do cliente a um custo menor”, pode ler-se no comunicado oficial.

Com a atualização, o Facebook torna possível começar uma conversa de WhatsApp a partir de um perfil do Instagram ou a partir de um anúncio, em que é possível clicar para enviar mensagem.

Maior ligação e interação com o cliente

Atualmente em fase de teste com anunciantes selecionados, o Facebook permitirá solicitar um orçamento no Messenger, permitindo que as empresas selecionem quatro a cinco perguntas para fazer aos consumidores antes de iniciar uma conversa.

A rede social fez também saber que, nos próximos meses, vai começar a testar ferramentas pagas e orgânicas para ajudar as pequenas empresas a encontrar e qualificar leads diretamente na aplicação Instagram. Os anunciantes usam anúncios de “Lead Generation” para se ligarem aos clientes através de leads personalizados, reduzindo os custos.

Também o Facebook Business Suite terá atualizações. A par da atual gestão de mensagens no Messenger e Instagram, a empresa irá testar a gestão e envio de e-mails de remarketing, além de um gestor de arquivo. Está também previsto avançar com anúncios de teste, para comparar várias versões de uma publicação, para ver a qual as pessoas reagem mais.

Maior controlo com “Work Accounts”

Com a perceção de que os proprietários das empresas pretendiam uma maior separação entre as suas identidades pessoais e profissionais, o Facebook começou a testar as “Work Accounts”, isto é, perfis exclusivos para trabalho.

Esta nova modalidade permite que os utilizadores comerciais façam login e operem o “Gestor de Negócios” do Facebook, sem exigir uma conta pessoal.

As empresas poderão gerir essas contas “em nome dos seus funcionários” e ter acesso a recursos de nível empresarial, como integrações de login único, dando-lhes mais controlo sobre a segurança das contas dos seus funcionários.

Estas contas corporativas estarão em teste até ao final do ano, com um pequeno grupo de empresas, com o Facebook a perspetivar expandir a disponibilidade globalmente em 2022, incluindo em Portugal.

Ler Mais


Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.