Europa multa AB InBev em 200 milhões de euros

A Comissão Europeia multou a AB InBev em 200 milhões de euros por desrespeitar regras de concorrência da União Europeia. Segundo a comissão, a maior cervejeira do mundo abusou da posição dominante que possui no mercado belga ao dificultar a importação de sua cerveja Jupiler da Holanda para a Bélgica a preços mais baixos.

«Os consumidores na Bélgica têm pago mais pela sua cerveja preferida por causa da estratégia deliberada da AB InBev no sentido de restringir as vendas além-fronteiras entre a Holanda e a Bélgica. Tentativas de companhias dominantes de dividir o Mercado Único para manter preços elevados são ilegais», explica Margrethe Vestager, comissária europeia responsável pelas políticas de concorrência.

Apesar de poder ser mais conhecida a nível mundial por marcas como Budweiser e Corona, a AB InBev é mais popular na Bélgica devido à Jupiler, que representa cerca de 40% do mercado de cerveja neste país em termos de volume. A empresa também distribui a marca noutros mercados da União Europeia, incluindo Holanda e França, sendo que na Holanda apresenta preços mais baixos devido à concorrência crescente.

A Comissão Europeia acredita que a AB InBev quebrou as regras da concorrência ao restringir a possibilidade de supermercados e retalhistas adquirirem cerveja Jupiler no país vizinho por um preço mais baixo, obrigando-os a pagar o preço estabelecido na Bélgica. Segundo a comissão, uma das estratégias utilizadas pela AB InBev passa por alterar os rótulos da Jupiler na Holanda, retirando as informações em francês, de modo a dificultar a sua venda na Bélgica.

Artigos relacionados
Comentários
Loading...