El Corte Inglés coloca 26 mil funcionários em lay-off e garante 100% do salário

O El Corte Inglés apresentou esta quarta-feira, em Espanha, ao Ministério do Trabalho a suspensão temporária (lay-off) de 25.900 funcionários na sequência da cessação da atividade sofrida pelo grupo em várias das suas áreas de negócios, avançam os media espanhóis

A empresa garante que a medida, que “procura manter o emprego” , durará 14 dias a partir da entrada em vigor do decreto que oficializou a decisão do governo espanhol em declarar Estado de Emergência para todo o país. “O prolongamento da nossa decisão será determinada mediante o tempo que esta situação durar”, explicou a empresa.

A empresa comprometeu-se a complementar as contribuições feitas pelo Estado, de forma a cobrir integralmente o pagamento dos vencimentos dos trabalhadores afetados pelo lay-off.

Grandes Armazéns, Sfera e Viagens El Corte Inglés
A medida afeta 22 mil trabalhadores nas suas mas também em algumas das suas subsidiárias. É o caso, por exemplo, da Sfera, cujas lojas estão fechadas devido ao alerta de saúde, e que levou a um lay-off de 2 mil trabalhadores.

Da mesma forma, o lay-off inclui 1.900 funcionários da “Viajes El Corte Inglés” que trabalham em lojas de rua ou em centros comerciais. Neste caso o lay-off começará a contar a partir de amanhã e durará até o final do alerta de saúde.

O lay-off anunciado pelo El Corte Inglés e as suas subsidiárias é o maior em Espanha, até o momento, embora afete menos de um terço da força de trabalho total do grupo de lojas, que excede 90 mil  trabalhadores. na Espanha.

Portugal responde às contigências

EM Portugal, o El Corte Inglés informou que os supermercados vão abrir uma hora mais cedo (às 9h) para atender profissionais da área de saúde, forças de segurança e proteção civil e e ainda para atender as pessoas de idade superior a 65 anos ou de especial vulnerabilidade, informou a empresa espanhol em comunicado enviado às redações.

De momento, os armazéns de Lisboa e Gaia estão parcialmente encerrados, mantendo-se apenas em funcionamento as áreas de informática, telecomunicações e alimentação para animais, além dos supermercados e dos espaços saúde.

Porém,o grupo assegurou que “continua a trabalhar para manter o fornecimento sem interrupções nos seus supermercados” e adoptou o horário de abertura ao público para o período entre as 10h e as 19h, todos os dias da semana e enquanto as actuais circunstâncias se mantiverem.

O El Corte Inglés de u ainda nota de que ainda que está a reforçar os seus serviços de entregas ao domicílio e de recolhas no parque como é o caso do Click & Car.

 

Ler Mais
Artigos relacionados

Exclusivo MIT - Massachusetts Institute of Technology

Dormir. Factor determinante no desempenho profissional?

Pesquisas mostram que a falta de sono tem várias consequências que podem afectar negativamente o desempenho profissional. Então por que razão tantos locais de trabalho modernos condenam práticas que não ajudam a bons horários de sono?
Comentários
Loading...

Multipublicações