É oficial: El Salvador é o primeiro Estado do mundo a adotar Bitcoin. Taxa de câmbio nas mãos do mercado

El Salvador tornou-se o primeiro país do mundo a adotar a Bitcoin como uma segunda moeda oficial. O Parlamento aprovou a Lei que regula a utilização da “criptoqueen” no Estado com 62 votos a favor, numa assembleia composta por 84 representantes.

A norma, que conta com o forte apoio do presidente da República local, Nayib Bukele, estabelece que “o objetivo desta lei é regular a Bitcoin e autorizar a sua utilização em qualquer transação, seja operada por particulares ou por empresas e instituições públicas”.

No que toca à taxa de cambio, “o teto de vidro” da Bitcoin, já que esta tem uma cotação bastante volátil, a mesma norma prevê que tal seja “ajustado livremente pelo mercado”, sem qualquer interferência do Governo ou do Banco Central.

A mesma norma dita ainda que o Estado deve promover “formação e mecanismos para que toda a população tenha acesso a este tipo de transações”.

Na semana passada, Bukele anunciou que o Executivo fechou um acordo com a plataforma Strike, que ficará responsável por ser a rede de gestão da Bitcoin no país. Até ao momento, ainda não está explicado como é que será a relação desta plataforma com outras Exchanges.

Atualmente, 70% da população de El Salvador não tem acesso ao mercado financeiro.

Depois de a imprensa internacional ter avançado com esta notícia, a Bitcoin subiu 5% para os 28.090 euros.

Ler Mais


Comentários
Loading...