Donos da Gucci e Louis Vuitton doam 300 milhões para reconstruir Notre Dame

François-Henri Pinault, chairman e CEO da Kering, empresa que detém a Gucci, vai juntar-se ao seu pai François Pinault e doar 100 milhões de euros para a reconstrução da Notre Dame. O valor será retirado da Artemis, empresa de investimento que ambos gerem.

A família Arnault irá seguir um caminho semelhante e doar 200 milhões de euros para o mesmo fim, disponibilizando também os recursos de arquitectura e design da LVMH, que detém marcas como Louis Vuitton, Fendi e Christian Dior. Segundo a Bloomberg, o apoio por parte das duas famílias surge como resposta ao apelo lançado pelo presidente francês Emmanuel Macron no sentido de criar uma campanha de angariação de fundos para ajudar a recuperar a catedral.

«Vamos reconstruir Notre Dame porque é isso que o povo francês quer. (…) É isso que a nossa história merece», afirmou o presidente. Recorde-se que Notre Dame foi alvo de um incêndio ao final da tarde de ontem, tendo sido necessárias mais de 12 horas para extinguir por completo as chamas.

Artigos relacionados
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
WPP vende 60% da Kantar
Automonitor
Ensaio: Mercedes-AMG A 35 4MATIC – Genes desportivos