Dona das marcas “Dove e Lipton” alerta: “Subida do preço das commodities vai prejudicar os nossos resultados anuais”

A marca de produtos anglo-holandesa Unilever, conhecida pelas suas marcas de produtos de limpeza, como a “Dove” e de alimentos e bebidas como a “Lipton”, alertou esta quinta-feira, para o facto de a subida exponencial do preço das commodities nos mercados em todo o mundo, estar a prejudicar a angariação de lucro operacional, a longo prazo.

As vendas da dona da marca  “Dove” subiram 5% no segundo trimestre, bem acima da previsão de 4,8% projetada por várias consultoras, no entanto, a empresa alerta, no seu relatório de contas, que o peço de algumas matérias primas como o “óleo de soja, ou o petróleo estão a pressionar os resultados da Unilever.

As vendas de produtos não cosméticos subiram 5,4%, mais uma vez vem acima da previsão de 5,3%. Segundo o comunicado publicado pela marca este crescimento foi sobretudo impulsionado pelo aumento de 8,1% nas vendas de alimentos e bebidas, com especial destaque para a marca “Lipton”.

“Apesar de tudo acreditamos que os resultados anuais não serão assim tão positivos, pelo que esperamos uma queda de 3% a 5%, face ao período homólogo”, declarou o CFO da Unilever, Graeme Pitkethly, citado pela imprensa norte-americana.

Depois deste anúncio, as ações da Unilever, cotada no índice FTSE 100 caíram 4,4%, eliminando quase 6 mil milhões de euros da sua capitalização bolsista e tornando-a a empresa que mais perdeu, até ao momento, durante o dia de hoje, neste índice britânico.



Comentários
Loading...