Dieselgate. Volkswagen propôs 830 milhões de euros em indemnizações. Mas acordo fracassou

A Volkswagen propôs 830 milhões de euros em indemnizações aos 400 mil clientes alemães lesados no âmbito do caso dieselgate, o nome dado ao escândalo que envolveu várias técnicas fraudulentas usadas pela marca, entre 2009 e 2015, para reduzir as emissões de gases poluentes nos testes de regulação. Mas o entendimento fracassou.

Segundo um porta-voz da Volkswagen, citado pelo “Cinco Días”, a marca tentou um acordo amigável. Porém, acusa a Federação Alemã de Defesa do Consumidor de ter feito  «reivindicações exageradas».

Recorde-se que o escândalo eclodiu em Setembro de 2015, quando a gigante alemã confessou ter equipado 11 milhões de veículos com um dispositivo capaz de falsificar o nível das emissões poluentes. Desde então, vários construtores automóveis e fabricantes de equipamentos foram afectados, incluindo os alemães Bosch e Daimler.

Artigos relacionados
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Quer ir ao Burning Man? Cuidado com os bilhetes falsos
Automonitor
#Ensaio – Mercedes-Benz GLC 220d – A medida perfeita